O Amor é paciente.

E ele disse: Eu amo você.
Ela: Por que agora? Mas, você não é meu amigo?
Ele: Eu estava aqui, gritando, chamando pelo seu amor,
mas você nunca me ouviu, e hoje eu tive que larga tudo,
até mesmo o medo de te perde pra te fazer entender, que eu preciso de você.
Ela: Mas, eu não sei, o tempo pode resolver, é que... eu te vejo como amigo, sabe?
Ele: Mais eu também sou, só que eu preciso de mais!
Ela: O tempo pode determinar, vamos esperar certo?
Ele: Eu espero. Eu amo você e não quero que isso passe, eu não quero te esquecer, eu quero que você esteja comigo nos meus pensamentos até o último segundo. Não se preocupe, eu estarei aqui. Esperarei pelo seu sorriso e sua vinda aos meus braços, e eu sei que te ouvirei dizer:
Eu também amo você.

E por fim, o amor resistiu, ela acordou e se deu conta o quão bom é estar ao lado dele, e quão importante ele era para ela. E desde ai o sorissos e as mãos já estavam dadas.

4 comentários:

  1. Lindo post...
    Seu blog também é lindo.
    Bom fim de semana.
    Beijos

    ResponderExcluir
  2. Adoro diálogos! :D

    http://amar-go.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  3. Lindo e leve teu cantinho e adorei tudo da Sagitariana de Fortaleza, tenha um fds, feliz e vou linkar voce no meu blog, beijos !!!

    ResponderExcluir